top of page

Malta, um arquipélago particular

Antes de começar o mochilão a minha intenção era estudar Inglês e por esse motivo morei um mês em Malta, um pequeno país entre o sul da Itália e o norte da África. Malta é formada por três ilhas, a principal – que leva o nome do país – e as outras duas: Gozo e Comino.


O país é menor que muitas cidades brasileiras com sua população de 420 mil habitantes. Suas cidades parecem bairros e o meio de transporte é o ônibus, cuja passagem é 1.50 euro / dia, podendo fazer quantas viagens você quiser com o mesmo bilhete durante o dia. Estudante com a carteirinha válida na Europa paga mais barato comprando antecipado cartelas parecidas com as “raspadinhas” brasileiras, onde raspa-se o mês e o dia de utilização.


Malta tem influência árabe, italiana e inglesa. Suas línguas oficiais são o maltês (mistura de árabe e italiano) e o inglês. A população também fala italiano, pois aprendem com a televisão – que transmite programas da Itália – além de ser bem próximo desse país. A ilha é bem antiga e uma das tradições de lá são as sacadas. Acho que não existe nenhuma construção que não as tenham, pelo menos não que eu tenho visto.


No meu primeiro final de semana na ilha estava acontecendo uma tradicional festa religiosa, e, nestes eventos o que não falta são luzes e fogos de artifício (coisa que eles adoram!)


Em Malta também são muito comuns as Patizzerias – que vendem pedaços quadrados de pizzas, massas e salgados tradicionais. Sorvete também é fácil encontrar, existem muitas sorveterias com os sabores mais variados. Em uma, encontrei sorvete de pistache e de pipoca.


A ilha é banhada pelo mar Mediterrâneo e eu achei maravilhosas todas as praias que fui. Cada uma tem sua particularidade, você pode encontrar praias com a costa rochosa, como a Blue Grotto.


Também tem praias com areia e muitas pedras, como esta na ilha de Gozo.



E praias com o azul quase transparente e tão calmas que parecem piscinas naturais. Além de muito rochosas, também é característico um lodo escorregadio (o que faz muitas pessoas usarem calçados adequados para não escorregarem), em Comino. Particularmente, essa foi a praia que mais amei! Maravilhosa! Não é atôa que Brad Pitt e Angelina Jolie escolheram esse cenário para passar sua lua de mel.



Foi também durante minha estadia em Malta que vi de pertinho o Princípe Willian da Inglaterra. Ele foi ao país participar das comemorações de independência de Malta, que foi colonizada pelos britânicos. Estava todo mundo em silêncio até que eu puxei o coro de “William, come here!”, e quando ele se virou e começou a dar tchau a bateria acabou. Infelizmente acontece mas sobrou 22 segundos de vídeo... hehe...


Isso é só pra vocês saberem um pouquinho sobre a ilha e alguns acontecimentos de lá.


Deixem seus comentários. É legal saber o que acharam e qual impressão tiveram através da minha escrita, afinal estou arriscando esse caminho depois de muito tempo somente lidando com números.

54 visualizações0 comentário
  • Instagram
  • Facebook
  • Pinterest
  • TikTok
  • LinkedIn
  • YouTube
  • Twitter
bottom of page